©2019 - RL Engenharia

Assessoria Condominial
  1. Obras nas Áreas Comuns do Edifício

  2. Reforma em Áreas Privativas do Edifício

  3. Plano de Manutenção Preventiva (PMP)

  4. Manual de Uso, Operação e Manutenção

  5. Vistoria de Vizinhança

  6. Vistoria para Recebimento de Imóveis

  7. Vistoria para Manutenção da Garantia da Construtora

  8. Engenharia Diagnóstica

  9. Assistente Técnico

  10. Parecer Técnico

  11. Treinamento de MO Local

  1. Obras nas áreas comuns do Edifício – de reforma ou de tratamento corretivo, tais como: reformas em salão de festas, portaria, recuperação de piscinas, impermeabilização de caixa d’água, subsolos, cortinas, rampas de acesso, fachadas, esquadrias, retrofit, atualização de equipamentos etc.

    1. orientação técnica na definição de premissas para as obras de reforma ou tratamento de patologias;

    2. definição do escopo, com elaboração de procedimentos executivos e especificação adequada de materiais e equipamentos, para a contratação das obras;

    3. análise de interferências entre projetos complementares;

    4. definição da melhor estratégia técnica/comercial por meio da análise custo x risco;

    5. análise das propostas técnicas/comerciais antes da contratação das obras;

    6. análise do contrato de prestação de serviços de engenharia – cláusulas de engenharia;

    7. acompanhamento da execução de serviços de engenharia, com emissão de relatórios físico-financeiros;

    8. fiscalização da execução de serviços de engenharia com emissão de pareceres técnicos sobre o andamento da obra e a conformidade com os procedimentos e normas vigentes;

  2. Reforma em áreas privativas do Edifício – análise e emissão de parecer técnico sobre os planos de obras de reformas apresentados ao Condomínio conforme requisitos da NBR 16280:2015;

  3. Plano de Manutenção Preventiva (PMP) – desenvolvimento do PMP adequado a cada edificação (tipologia, idade e vida útil), em conformidade com a norma 5674:2012, visando garantir o desempenho, reduzir o custo com a manutenção corretiva, dar segurança legal ao condomínio e minimizar a desvalorização dos edifícios.  A implantação do PMP demonstra a responsabilidade do síndico para com a sua obrigação prevista no Novo Código Civil (NCC) lei 10406, de 10/01/2002:

    1. “Art. 1.348. Compete ao síndico:

    2. (...)

    3. V - diligenciar a conservação e a guarda das partes comuns e zelar pela prestação dos serviços que interessem aos possuidores;

    4. VI - elaborar o orçamento da receita e da despesa relativa a cada ano”

  4. Manual de uso, operação e manutenção – elaboração de manual de uso, operação e manutenção, conforme requisitos da norma NBR 14037:2014;

  5. Vistoria de Vizinhança – elaboração de laudo de vistoria. Também conhecida como cautelar ou antecipação de provas, é uma vistoria predial com a finalidade de registrar o estado de uma edificação antes do início de uma obra vizinha, que pode ser antes da construção de um edifício, ou de uma reforma;

  6. Vistoria para recebimento de imóveis – elaboração de laudo de vistoria, com objetivo constatar o estado de uso do imóvel nas seguintes situações:

    1. Imóvel novo – antes do recebimento da construtora/incorporadora;

    2. Imóvel usado – no início e no término de contratos de locação;

  7. Vistoria para manutenção da garantia da Construtora – elaboração de laudo de vistoria. É uma vistoria predial, com objetivo de avaliar o atendimento do plano de manutenção preventiva, elo Condomínio, às condições exigidas para garantia fornecida pelo Construtor/Incorporador;

  8. Engenharia Diagnóstica – a engenharia diagnóstica trata das investigações científicas das patologias prediais, através de metodologias que possibilitem obter dados técnicos para caracterização, análise, atestamento, apuração da causa ou prescrição do reparo para a patologia em estudo, utilizando as seguintes ferramentas:

    1. Vistoria predial – elaboração de laudo de vistoria para constatação de um fato, mediante exame circunstanciado e descrição minuciosa dos elementos que o constituem;

    2. Inspeção predial – elaboração de laudo com avaliação combinada ou isolada das condições técnicas, de uso e de manutenção da edificação. É a análise técnica do fato, com base na interpretação e experiência profissional. Segundo a NBR 15575-1, é a verificação, através de metodologia técnica, das condições de uso e de manutenção preventiva e corretiva da edificação;

    3. Auditoria predial – elaboração de laudo com o atestamento técnico de conformidade ou desconformidade do fato;

    4. Perícia – elaboração de laudo de perícia, envolvendo a apuração das causas que motivaram determinado evento ou da asserção de direitos;

    5. Consultoria – elaboração de laudo com a prescrição técnica a respeito do fato;

  9. Assistente técnico – atuação em ações judiciais, como profissional legalmente habilitado, contratado pela parte, para orientá-la, assistir aos trabalhos periciais em todas as suas fases da perícia e, quando necessário, emitir seu parecer técnico;

  10. Parecer técnico – elaboração de parecer, com conselho ou esclarecimento técnico emitido por um profissional legalmente habilitado sobre assunto de sua especialidade;

  11. Treinamento de MO local – treinamento à equipe local do condomínio, em procedimentos executivos dos principais serviços existentes no condomínio e nas normas regulamentadoras do Ministério do Trabalho sobre segurança e saúde do trabalho, com destaque para as NR’s 06, 10 e 35;